Inventamos as Festas…

mário a guiar o seu carro azul no jogo Mário KartAutor: Bago Games Flickr Atribuição: CC      

     Nas minhas grandes férias de Natal, fiz muitas coisas; a primeira foi estar com a minha Família e descobrir que o meu Pai vinha de Angola para Portugal.

     A minha segunda atividade criativa a fazer nas férias era ajudar a minha Mãe a embrulhar as prendas de Natal para os meus primos.

     E a terceira surpresa a realizar foi abrir as minhas prendas de Natal: tudo o que recebi foi fantástico. No momento em que acabei, a minha Mãe pregou-me uma partida, dando-me, num saco de roupa, uma consola!

     Desde aí, tenho-a utilizado de muitas maneiras: uso-a como um écran com dois comandos ao lado, presos à consola, onde jogo “Just Dance“. Posso tirar dois comandos e transformá-los num para jogar “Mário Kart 8“. Tirando os dois comandos e mexendo-os com os movimentos das próprias mãos, gosto de jogar ARMS – os jogadores são todos de boxe e os seus braços são molas!

     No fim do ano, o meu Pai convidou todos os seus amigos e, por causa  disso, não havia crianças, mas, às 2h 20, o meu Tio chegou com o meu primo Martins; até às 3h 10m o meu primo e eu comemos gelado e jogamos na minha consola.

      Inventamos as Festas para termos uma pausa no nosso trabalho, mas não só: também serve para nós, humanos, estarmos felizes por alguma razão que nem precisamos de saber qual é.

Luís P 6C

Peripécias no Natal

Christmas Compose

CBcreativity via Compfight

    Passei todo o dia de Natal com a minha Família. No Natal posso brincar com eles: brincar ao Peka Bod; já lá fui uma vez brincar com flores de neve.

     Um dia até a minha cadela já brincou com elas. Os flocos tocavam no nariz da minha cadela e ela, de cada vez, ia lambendo o nariz, mas cada vez caía mais neve.

    Mas chegou a comida do jantar da véspera do Natal, e, de repente, fechou-se a luz. A minha cadela aproveitou a vez dela para atacar a comida. Quando voltou a luz, ela estava em cima da mesa a comer as sobremesas!

    O Natal é o melhor tesouro que acontece todos os anos na minha vida!

Constança R, 5A

Momentos de Aventura e Paz

Airbeat One Festival 2017 Spanhof.Info – Illusions of Photo-Art via Compfight

     Nas férias de Natal, fui à piscina do Hotel onde o meu Pai trabalha, o Hotel Pestana, na Fortaleza de Cascais. Depois, estive a ver os jogadores do Portimonense a entrar no Hotel: parece que eles comeram onze quilos de bananas!

      Nas férias, fui também à Festa dos Anos do Afonso, em que jogamos Laser Tag

   O que eu gostei mais de receber no Natal foi o Red Pass do Benfica. Também fui a um Museu de Arte e Tecnologia e joguei Fifa 18. Fui ver o Star Wars ao cinema. Um amigo meu levou com um chinelo na cara e deitou sangue do nariz!

      Passei o Natal em casa da minha Tia onde apreciei sobretudo o bolo de chocolate. No fim de Ano estive em casa da minha Avó: a nossa cadela estava com medo do fogo de artifício e veio esconder-se na sala. Depois saltou para cima da mesa e comeu uma tigela de pinhões!

     O meu principal objetivo para este 2º Perído: gostava de terminar com positiva a Matemática.

     Este mês de Janeiro, celebramos a Paz: 

  • Para haver Paz em Portugal temos que contribuir para não haver incêndios, limpando as florestas e patrulhando os lugares mais sensíveis.
  • Para manter a Paz a nível da Escola, é bom tratarmo-nos com respeito e bom-humor. Em relação aos professores, temos de fazer um esforço para estarmos atentos.
  • Para aprofundarmos a Paz dentro de nós, devemos evitar preocuparmo-nos inutilmente e procurar atividades de que gostamos.

Manuel N 8B

Aventuras de Natal

Me ✈Busy-Off To Canada Today!✈ via Compfight

     No meu Natal recebi muitas prendas, mas antes de começar a enumerá-las, o mais importante foi estar com a Família.

      De entre as prendas que recebi, gostei muito de um perfume, um jogo de carros para a PS4, e o jogo do Grande Turismo, com volante e pedais.

       Com a Família toda, estivemos a jogar Sing e eu controlo o meu tio “cá com uma pinta”! Antes da meia-noite, vimos um filme: “A Viagem de Arlo”, que era bem giro.

      Nunca tinha visto fogo de artifício tão perto: uma luz muito forte e todas as cores do arco-íris. Como eu fazia anos nesse dia, antes da meia-noite comemos o bolo, que tinha a forma de um jogo de Basket.

      No hospital, vesti uma roupa própria e deitei-me na cama com rodas e fui levado por duas enfermeiras giríssimas para a sala de operações. Puseram-me a máscara e adormeci logo. Acordei cheio de dores, mas não reagi como o médico tinha esperado.

Francisco M N, 6A

 

Seguir em Frente com a Vida

Call of Duty: Infinite Warfare Clinton Crumpler via Compfight

     Um acontecimento inesperado destas férias foi o meu irmão e o meu vizinho terem encontrado um cão abandonado: era rafeiro, pequeno, de pelo claro. Habituou-se bem a nós, mas parecia bem alimentado, embora sem chip. Ficou bem com o nosso cão Pepe, durante um dia e depois fomos entregá-lo a uma Associação de animais, para ser adotado.

     No dia 24, o meu Avô fez anos, passei o dia todo em Família e estávamos muito felizes! À meia-noite, abrimos os presentes. O meu favorito foi o Hawei P8 Lite e, ultimamente, tenho jogado PS4. Troquei um jogo repetido por Lego Marvel Super Heros 2 e amanhã ainda vou comprar o Watch Dogs 2.

     Eu passei o Ano Novo com a minha Mãe, um amigo meu, o Mota, e estivemos a jogar, na minha PS4, Call of Duty Infinite Warfare Eu e o meu irmão completamos um jogo a 100%. Jantamos “almofada de pato” e fomos para Cascais ver o fogo de artifício, que era de imensas cores: azul, vermelho, verde, laranja; formavam diferentes formas no céu e lançavam quilos de fumo.

     O meu irmão disparou a rolha do Champanhe e depois disso fomos ao LuzMar; enquanto estávamos lá, vimos o meu vizinho a passar, junto á Roda Gigante, mas, infelizmente, não conseguimos cumprimentá-lo.

    Não pedi desejos em especial, mas como resolução de Ano Novo gostaria de melhorar a nota de Português, em especial nos Verbos e Adjetivos.

     E é só seguir em frente com a Vida! 

     Em cada Turma, há Grupos de 3 pessoas que têm de fazer uma tábua de madeira onde criam símbolos para o valor de cada mês. Este mês, estou a trabalhar num projeto em que celebramos a Paz: se toda a gente se ajudasse uns aos outros, teríamos um mundo melhor.

Vicente E, 5A

 

Amigos Diferentes, Férias Especiais

Landing Snows Brent M. via Compfight

      Estas férias de Natal foram especiais: na primeira semana, foram para minha casa seis amigos meus todos diferentes.

     No primeiro dia em que ficamos sozinhos em casa, a Noeminha e a minha irmã foram para o trabalho com o meu pai.

     Eu, o Quico, a minha irmã mais velha e duas amigas ficamos. Eu e o Quico escavamos um Bunker por baixo de uma árvore e fizemos várias casinhas para animais. Dentro da cerca fizemos um pombal; depois fizemos casinhas para coelhos, uma casa de codornizes e, dentro do galinheiro, uma divisão para um peru.

     O meu pai, como prémio do nosso esforço em termos feito as casinhas com tanta qualidade e tão pouco material, ofereceu-nos estes animais.

Alexandre T, 7A

Confetis, Prendas e Carinho

https://www.jeuxdenim.be/jeu-DixitImagem: Dixit

      A minha querida véspera de Natal foi em casa dos meus primos. Foi tão giro: recebi tantas prendas e carinho!

      Eu passei o Ano com a minha Família: o meu pai, mãe e irmã e outros amigos Espanhóis e Portugueses. Ao todo, éramos 14 e sempre jogávamos um jogo de tabuleiro chamado “Dixit“.

     Nós éramos 6 crianças e passávamos as noites a jogar às escondidas, foi tão engraçado!

    Ao jantar, a entrada foi tamboril molhado em molho de ouriços do mar, sopa de peixe, o prato principal foi ravioli de cabrito e a sobremesa foi mousse de chocolate e avelã.

    Depois, à  meia-noite, lançamos confetis e fomos dormir.

André R, 7A

Férias de Paz

    chuck and his crazy hair Keith Survell via Compfight

      As minhas férias de Natal foram boas. Recebi um coelho miniloop chamado Tobias, ele é muito brincalhão e gosta muito de saltar!

     O Tobias, quando o vi pela primeira vez, saltou para o meu colo! Ele tem um mês: é um bebé!

     O meu Natal foi giro: fui ao cinema com as minhas amigas vi o filme Coco e o Picture Plenert 3.

      Estive em casa a dormir às vezes até às doze horas.

     No dia 26 fui à Wonderland  de Lisboa: andei de patins e na roda gigante. No dia 25 foi Natal: recebi o meu coelho e roupa giríssima.

     Durante o Ano Novo, nas doze badaladas comi passas. Ouvi o fogo de artifício na minha casa: fiz uma resolução de Ano Novo.

      Este período, devo melhorar a Inglês, a interpretação de texto; a Geografia já consegui uma estratégia para não confundir a Escala Gráfica com a Escala Numérica.Mas quero levantar a nota.

      Este mês celebramos a Paz: gostava muito de fazer uma viagem à Indonésia. Realizarmos estes pensamentos contribui muito para a nossa felicidade. E sermos felizes contribui para a Paz no mundo.

Mariana C 7A

 

 

Momentos de Natal

New Years Eve Fireworks 2017 Kyle Nishioka via Compfight

      Estas férias, a ida à Vila Natal foi ótima! Gostei muito da pista de gelo e de tirar uma foto com o Pai Natal, de andar dentro de uma bola brilhante sobre a neve.

     O Natal foi admirável! Adorei os presentes, mas ainda gostei mais de estar em Família! O meu novo “telelé” é um Vodaphone, cheio de cores espantosas, com uma capa giríssima, de um azul fascinante. Recebi o cartão sim e comecei logo a utilizá-lo.

      No Ano Novo, adorei o concerto dos “Dama“; o hotel em que fiquei chamava-se “Vila Galé“, em Lagos.

     O fogo de artifício foi fantástico: havia uma bala no céu a explodir e a dividir-se, começando numa cor; as mini-balas dessa divisão explodiam de novo.

     Outras pareciam umas balas de canhão que subiam, e quanto mais subiam, mais apagavam a parte de trás até à ponta: eram brancas, verdes e vermelhas! Nunca tinha visto um fogo de artifício tão magnífico, foi uma novidade que nunca vou esquecer.

     Estas férias senti-me muito alegre.

Miguel M, 6A

 

Com as Pessoas de Quem mais Gosto…

Garden over the bayCreative Commons License pedrik via Compfight 

     Este Natal, abri um presente maravilhoso: uma coluna para ouvir música na Escola; ligo-a ao telemóvel e ouço imensas canções e músicas, a que nem sei dar o nome, pois gosto de tudo. Até ouço ópera com o meu avô! Conheço um cantor francês, Philipe Jaroussky…Enquanto fazíamos a árvore de Natal com o meu avô, eu e o meu irmão ouvíamos ópera.

     A minha prima Inês passou quase uma semana comigo: ficávamos a preguiçar de manhã, fomos a Sintra comprar queijadas originais, conversávamos sem fim e eu até disse à minha Mãe que não é nada igual estar com a Inês ou sem a Inês…

     Fui visitar a Vila Natal com a minha Madrinha e a Constança, de 4 anos – adoro bebés! Adorei patinar no gelo – como sei andar de patins não era difícil – visitei a casa do Pai Natal, passei um túnel de luzes, vi os camelos dos Reis Magos e um recinto com burrinhos, um duende e vários coelhinhos. Andei na bola gigante dentro de uma piscina de esferovite.

     Que férias inesquecíveis com as pessoas de quem mais gosto!

Margarida R, 5C

Férias Magníficas

7. It'a beginning to look a lot like ChristmasCreative Commons License Mark Gunn via Compfight 

     Passei as minhas ferias quase todas sentada no sofá ,com uma mantinha a ver televisão , mas algumas vezes fui passear .

     Nesses dias fui visitar a casa dos meus avós ,um museu de dinossauros e fui ao oceanário ,fui também ao shopping ver um filme mexicano chamado”Coco”. Como o filme é Mexicano, em vez de pipocas comi tacos, e achei uma delícia!

     Para passar algum tempo com a minha Família, fui ver as luzes de Natal e também fomos à Wonderland em Lisboa. Passei o Natal na casa do meu Tio e com a minha Família e comemos bastante.

     Passei o Ano Novo no Jardim do Casino a ver os fogos de artifício e foi muito engraçado, porque nós esquecemo-nos do champanhe e das passas: então pedimos emprestado a uma pessoa que estava ao nosso lado e divertimo-nos muito!

Carolina CV

Resoluções de Ano Novo

http://www.cascaischristmasvillage.pt/

     Imagem: Vila Natal Cascais

     Este Natal, um grande momento, foi quando abri os presentes: um livro para pintar com canetas, mas é mesmo dos difíceis.

     A seguir, do que gostei mais foi do livro “Aventuras de um Banana Super-Herói“. Fui à Vila Natal e adorei andar na pista do gelo, tal como faço sempre que vou ao Porto. Como faço patinagem com rodinhas, para  mim é fácil.

     No ano novo, estava a dormir profundamente e assim ganhei um dia 1 todo inteirinho, cheio de energia.

     Este 2º período, a minha principal resolução de Ano Novo vai ser conseguir pintar o meu livro todo, ler a Aventura e subir as notas a Ciências e a Português.

     A Português posso melhorar na resolução de questionários, o que já estou a treinar com a minha terapeuta da fala.

     Que bom, este mês, celebramos a Paz!

Carolina A, 6B

A Casa de Natal

http://www.mapav.com/santarem/ferreira_do_zezere/pias/Imagem: Mapav.com     

     Este Natal, no dia 25 de Dezembro, eu fui a Pias, Ferreira do Zêzere, onde estivemos numa casa gigante!

     A casa tinha um trampolim, uma campo de futebol, uma vista linda, um jardim enorme e ainda um parque de estacionamento no exterior.

     No interior, mal abrimos a porta, temos, dos dois lados, dois quartos; se andarmos em frente e virarmos para a esquerda, temos um quarto, uma casa de banho e outro quarto. A seguir, temos as cozinhas, e, ainda ao lado, a enorme sala de jantar; em frente, abre-se a sala de jogos de tabuleiro; logo a seguir, a sala de estar; desde aí vamos dar á entrada. 

    No piso de cima, havia um quarto, depois uma sala onde nós tocamos numa orquestra. Aí também se abria um quarto dentro da sala. A seguir um quarto de crian ças; em frente, um outro quarto com duas  casas de banho e depois, ainda outro quarto.

     Depois de visitarmos a casa de Natal, fomos passear e fazer “caches”.

Afonso F, 6D

Em Cadeira de Gaming

https://www.youtube.com/watch?v=OrzDGHhOz5s

Imagem: Need for Speed You Tube

Recebi uma cadeira de gaming que parece uma cadeira de carro e gostei muito desse presente.

Usei-a para ler e para jogar PS4: Joguei Need for Speed Pay Back e Minecraft e Call of Duty WWII.

Li a Fada Oriana e a Viúva e o Papagaio, este ainda estou a ler.

No Ano Novo também bebi Champanhe para crianças, uns dois copos!

Este mês é dedicado à Paz. Pode ser no mundo, na família, na escola ou dentro de nós.

Para ter paz temos de ser amigos.

Lourenço J, 5A

O que Mais Gostei no Natal

https://www.google.pt/url?sa=i&rct=j&q=&esrc=s&source=images&cd=&cad=rja&uact=8&ved=0ahUKEwiQjsaFor_YAhXLwBQKHVmLBw0QjRwIBw&url=http%3A%2F%2Fwww.gamezebo.com%2F2016%2F12%2F12%2Fhill-climb-racing-2-tips-cheats-strategies%2F&psig=AOvVaw2TahIndN3UtK4ACIEdfIJC&ust=1515188136777075

Imagem: Hill Climb 2

O que eu gostei muito de receber foi um telemóvel Huwai, Y6 Pro 2017. Joguei o Hill Climb II, onde já estou muito avançado: já vou no nível Diamante 2.

Nesse jogo, recebemos um carro muito mau e vamos comprando carros com o dinheiro que ganhamos nas corridas indo contra outros carros.  Podemos melhorar a potência do motor, a suspensão e outras qualidades.

Também recebi um skate e andei na pista do Dramático.

No Ano Novo, assisti ao Fogo de artifício no Tamariz. No jardim do casino e ao pé de mim estavam uns homens a atirar uns petardos.

Eduardo M, 5B

As Surpresas com que Eu Sonho

http://cadescrita.edublogs.org

Imagem: Mariana J – 2011     

      Olá Pai Natal,

     Eu queria receber muitas surpresas, que seriam: 

  • Uma hoverboard
  • Uma boneca
  • Visitar a minha avó na Ucrânia
  • Ter um Forbe e uma Piscina
  • Uma casa nova e grande
  • Comprar prendas para a minha Família toda!

 Gostava que a minha casa tivesse uma sala grande para o nosso convívio, uma sala de cinema, o meu quarto amplo e verde-água; um jardim enorme à volta, umas árvores com frutos, como pêssegos, maçãs, pêras e ainda vegetais, como tomate, pepino e alface. Teria ainda dois cãezinhos e um gatinho dentro de casa!

    Desejo a todos também que imaginem e possam ter o que mais querem.

Ana Sofia D, 6A

O Espírito de Natal

   Merry Christmas Leo Reynolds via Compfight

     O Espírito de Natal consiste em fazer o Presépio, passar o Natal em Família e em abrir os presentes. Multiplicam-se campanhas de Solidariedade nesta época, precisamente por ser uma época de amizade, inspirada na pobreza de um Deus sem abrigo.

   Nas férias, adoro jogar na PS4 e treinar  Futebol. A prenda mais fabulosa que eu já recebi foi a PS4! Costumo passar aPassagem de Ano a ver a Televisão e a conversar.

 Quando estou de férias, o meu primeiro pensamento é sobre estar livre dos Testes! Prefiro passar o meu tempo a passear ou a andar de bicicleta.

Este Natal gostava de receber um Iphone 6.

A minha sobremesa preferida são rabanadas!

 Desejo que o Natal continue a ser o mesmo: árvore a brilhar, convívio em Famíla, abrir presentes e Espírito de ajudar quem mais precisa!

Manuel N, 8A

Toda a Gente Feliz

   Merry Christmas ! Timothy Valentine via Compfight  

     Querido Pai Natal,

     Neste Natal, eu queria:

  • Um “Siens for you”
  • Um Hoverboard
  • Estar em Samora Correia com os meus Pais, Primos, Tios, Avós e o meu Irmão.
  • Gostaria que este Natal fosse inesquecível  como todos os outros.

 Eu adoro o Natal e queria que me fizesses um favor, Pai Natal: 

QUERIA QUE TODA A GENTE ESTIVESSE FELIZ!

     Adeus, meu Querido Pai Natal, 

Teresa

PS – Não te esqueças de dizer a toda a gente “BOM NATAL“, principalmente às que não tenham Família. 

Teresa F, 6D

O Silêncio da Alegria

http://www.etoilenotredame.org/actualites/resolutions-pour-le-mois-de-jesus-naissant-24

     Imagem: Étoile Notre Dame

     José já se instalou no último lugar: junto ao  berço da Glória. A jovem Esposa radiante ilumina-lhe a confiança pedida pelo Anjo em pleno sonho.

     Não pode ir mais longe, não há outro abrigo:  chegou a hora em que o coração tão denso de silêncio pode captar o relâmpago da Alegria.

    Os pastores dormitavam nos campos ou falavam em voz baixa em volta das fogueiras: figuras de silêncio recortadas na noite. Os magos caminhavam no rasto da Estrela que os inebriava de silêncio.

    Tanta luz transparece nesta noite, que só a espessura do silêncio – a espessura de séculos de silêncio – acertadamente sintoniza.

    José, à entrada da gruta, transido de silêncio. Maria, inclinada sobre a mangedoura, transfigurada de silêncio: só eles contêm o dilúvio da Alegria, ligam à terra a torrencial voltagem da Alegria, que se aquieta, infante, no berço de carne do silêncio.

OE

A Esperança dos Pobres

http://michele-gabriel.chez-alice.fr/pge83-25.html

Imagem: Michel-Gabriel-chez-Alice

“Que Alegria, quando me disseram: “O Senhor vem a nossa casa!”

      Belém, a mais pequenina das cidades de Judá… para lá sobe José, descendente de David, com sua esposa, grávida de Ti!

     Os passos dos pobres seguem em Esperança: os que não têm lugar em nenhuma estalagem, os que dormem nos campos, ao relento, e a quem envolve a Glória do Altíssimo. 

    Mais atrás vamos nós, seguindo os rastos de ouro que a Esperança dos pobres acendeu: escuridão e frio; esforço do silêncio; e todo o ser de homem uma questão que pulsa, escuta e, finalmente, vive.

 OE

Um Alien no Natal

No One Inside Remembers Jason Carpenter via Compfight

     No ano de 2017 tive um Natal muito bom em casa do meu avô. Nós comemos cabrito, estava ótimo! Foi o melhor cabrito que eu já comi!

     Depois de abrir os presentes, fui para a cama, olhei pela janela e vi uma coisa azul a vir para mim; começou a aproximar-se e BOOM! Partiu a janela. E eu disse:

    – O que é que será?

     Fui ver e era uma espécie de homem pequenino, só que verde, com duas antenas. Ele perguntou-me:

    – O que é o Natal?

     – O Natal, para mim, é a melhor celebração do mundo! Celebramos o Nascimento de Cristo, fazemos uma Ceia com a nossa Família e abrimos muitos presentes.

     E ele disse: 

    – Ah, okay! Assim, quando chegar ao meu planeta, já posso dizer o que é o Natal aos meus amigos.

    –  Adeus, até ao próximo ano! – Exclamei.

    – Adeus! – Respondeu ele, antes de entrar na sua pequena nave redonda e azul que deixou um rasto elétrico azulado, desaparecendo a alta velocidade.

     E assim, o Alien e o Eduardo ficaram os melhores amigos.

Eduardo M 5B

O Natal Russo

Fortnum & Mason Christmas window display Kotomi_ via Compfight

      Túlio tentou acordar a Svetlana, mas sentia-se muito dorminhoco.

     – Acorda, cabeça de sono! – exclamou Túlio.

     Mas a Svetla estava a dormir. Ele resolveu atirar-lhe água.

    – Mas o que se passa, Túlio? Estás Normal?

     – Depressa, Svetla, é Natal! A Família do nosso pai vai estar cá.

     Foram os dois fazer um bolo de chocolate. Os dois tinham medo da Elia, a pequenina sobrinha que chegou da Rússia. Um dia, quando eles estavam a dormir, ela pintou-os, como Mascha e o Urso.

     Este bolo vai atraí-la. Eles puseram o bolo na mesa, correram para o seu quarto e esconderam-se.

    A Elia chegou com a Família toda do Aeroporto. Primeiro, ela interessou-se pelo Túlio e Svetlana, e não pelo chocolate. Foi um “flop”. Perguntou onde estavam os primos.

      Os dois amigos saltaram pela varanda e foram esconder-se na sua casa da árvore, mesmo em frente ao quarto. Treparam pela escada de lã e enrolaram-na rapidamente para que a pequenina não soubesse onde é que eles estavam.

    À noite, comeram todos um delicioso bolo de chocolate e riram-se deste episódio divertido de um Natal Russo!

Svetty T, 6B

Ser Feliz, Amar os Outros…

Seasonal Joy IICreative Commons License Anne Worner via Compfight

     Eu nunca me canso do Natal, porque é estar com a Família e ser feliz, amar os outros.

     Para mim, a Família é o mais importante; se eu a perdesse, nunca voltava a ser a mesma.

    Quando passo por alguma pessoa pobre, eu começo a pensar no Natal e como as pessoas podem não ter Família.

    Se alguém me perguntasse o que é o Natal, eu diria que é uma celebração, quando Jesus nasce, celebra-se com a Família e entramos no tempo d’Ele.

    Este ano, eu já não recebo presentes, e já não faço cartas para a minha Família. Tenho tanta pena!

   Ah, mas vou dar bombons, com uma pequena carta, a cada pessoa da Família, a dizer que gosto muito dela, a dizer que a adoro. E ver os sorrisos na cara de cada uma, ao receber…

    O Natal é magia, canções, convívio e surpresas. Eu adoro o Natal!

Mariana Lm, 5ºA

Um Natal Maravilhoso

Narizao, The Cool Brother of the Other Guy - 2017.02.17.F01 jonix_k via Compfight

    Eu costumo, no Natal, estar em casa dos meus avós.

     Eu, o meu irmão, a minha irmã e o meu pai fazemos a árvore de Natal e o presépio. Nós costumos comer bacalhau e bolo Rainha.

    A minha sala tem luzes por todo lado, tenho a árvore toda iluminada.

   Os meus avós põem os presentes debaixo da árvore e depois chamam as crianças e ficamos muito contentes.

   O ano passado eu recebi três puzzles e uns brincos muito giros. Eu dei um postal à minha mãe e ao meu pai.

  Foi um Natal maravilhoso!

Carolina A, 6B

O Meu Natal

Brunna Peretti Loureiro via Compfight

     Eu costumo começar o meu  Natal dia 23, em casa dos meus Tios, do lado do Pai. Depois, dia 24, é em casa da Bisavó, do lado do Pai. No dia 25 recebo presentes em casa da Mãe e, a seguir, vou a casa da minha Avó.

     O presépio e a árvore são feitos por todos nós, em casa da Mãe; em casa do Pai, são os filhos e em casa da Avó, são os 16 netos.

     Como sobremesas especiais e bebo leite com chocolate quente. A sala está tão enfeitada e gira! O ritual para celebrar em casa da minha Mãe e da minha Avó é estarmos à espera de que todos cheguem.

Maria Pr, 5B

Adoro aquele Momento tão Feliz

     IMG_7900_web - Christmas decorations Alex DROP via Compfight

    Eu costumo reunir-me no Natal em casa dos meus tios, avós, ou mesmo em minha casa. Mesmo se for em minha casa ou não, eu e a minha mãe fazemos sempre o presépio e a árvore de Natal na sala.

      Na ceia de Natal costumo comer bolo de chocolate, de iogurte, e também broas de mel e muitas mais surpresas deliciosas.

     A minha sala costuma estar decorada com pais-natal e predominam as cores vermelho e branco.

     Eu costumo abrir os presentes às 00 horas. Os meus pais e as pessoas de família dizem para deixarmos os sapatos e põem lá os presentes – “O Pai-Natal”. O meu presente favorito, que eu gostaria de ganhar era um jogo: The Sims.

     O Natal nunca cansa, sabem porquê? Sempre recebemos presentes e eu adoro estarmos a passar aquele momento tão feliz com as pessoas de quem mais gostamos – a Família.

     Se eu explicasse a um menino de outro planeta o que é o Natal, diria que é das épocas mais bonitas e religiosas de Portugal, em que nós recebemos presentes, brincamos muito e comemos também à vontade. Eu adoro e acho que ele iria gostar desta experiência nova.

     Se, um dia de Natal, eu fizesse uma inovação, iria para outro país com a minha Famíla e como ninguém nos conhecía, ficávamos muito mais à vontade. Mas mesmo assim eu gosto imenso como nós passamos cá o Natal.

Margarida Rs 5C

Um Vídeo a Abrir os Presentes

Decorative LightsCreative Commons License Marco Verch via Compfight

     O Natal, para mim, é muito giro.

    Gosto de presentes de Natal e gosto de estar com a Família. Faço um jantar de família e só abro os presentes à meia-noite.

     Se calhar, vou fazer um vídeo de Natal para o youtube e abro os presentes em vídeo. Vai ser muito giro fazer um vídeo com sete subscritores. Não faz mal ser com sete pessoas porque não podemos reclamar com o que temos.

     Se eu tivesse um amigo de outro país que não soubesse o que era o Natal, eu dizia-lhe que é uma época em que se recebe presentes e em que se está com a Família. Lourenço J, 5A